Escala de avaliação das estratégias de aprendizagem (ensino profissionalizante): Adaptação e estudos psicométricos

 

 

Por:

Carla Priscila da Silva Pereira Universidade São Francisco, Campus de Campinas/SP, Brasil

Acácia Aparecida Angeli dos Santos Universidade São Francisco, Campus de Campinas/SP, Brasil

Adriana Satico Ferraz Universidade São Francisco, Campus Campinas/SP; Brasil

 

Resumo

O objetivo deste estudo foi investigar as propriedades psicométricas da Escala de Avaliação das Estratégias de Aprendizagem para alunos do Ensino Profissionalizante (EAVAP-EP). Esta escala foi adaptada do contexto do ensino fundamental para o ensino profissionalizante por meio de um estudo focal com cinco professores e 11 alunos. A evidência de validade de conteúdo da EAVAP-EP foi investigada mediante a análise de seis juízes especialistas e estudo piloto com 24 alunos que indicaram a representatividade e a compreensão dos itens adaptados. A evidência de validade baseada na estrutura interna da EAVAP-EP foi obtida com uma amostra de 401 alunos. A análise de componentes principais indicou a variância explicada de 31,37% da escala. Os 28 itens foram distribuídos em três dimensões: cognitivas, metacognitivas e metacognitivas disfuncionais, com cargas fatoriais acima de 0,30. Verificou-se, ainda, a estimativa de fidedignidade da EAVAP-EP (escala total: α = 0,86). Sugere-se a utilização da EAVAP-EP no contexto do ensino profissionalizante e a continuidade das pesquisas com o instrumento.

Fonte do Artigo:

https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/19127

Fonte da Imagem: 

proluno.com.br

Deja un comentario

Escala de avaliação das estratégias de aprendizagem (ensino profissionalizante): Adaptação e estudos psicométricos – Sarraute Educación María Magdalena

A %d blogueros les gusta esto: